BALANÇA COMERCIAL

Em um contexto de crise, praticamente todos os setores foram afetados por cortes drásticos. No que se refere ao comércio de bens, ambas as importações de bens registram, na comparação anual (janeiro – dezembro de 2020 e janeiro – dezembro de 2019), quedas respectivas de 14,1% e 7,5%.

De acordo com o Foreign Exchange Office, o défice comercial do Marrocos situou-se em 138,77 mil milhões de dirhans (mil milhões de dirhans) no final de 2020, registando uma redução de 26,2% em relação ao final de novembro de 2019.

Exportações de bens e serviços recuam 15,9% após queda de 53,8% nas receitas de viagens

As receitas do MRE cresceram 5% e os fluxos líquidos de IED mantiveram-se estáveis ​​devido à queda das despesas 41,6% superior à das receitas (-22,3%).

As exportações registaram um acréscimo de 15% superior ao das importações (+ 12,8%).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *